Resultados da votação
1ª Fase de Votação

Projeto número:
OP19/PROJ0041
Votos:
1652
Área de intervenção:
cultura e património (material e imaterial)
Título do projeto:
Ópera juvenil "Eram tudo memórias de alegria"
Descrição sucinta do projeto:
O projeto propõe a execução de uma ópera juvenil contemporânea, composta entre 2017 e 2018 pelas jovens bracarenses Sara Marita e Maria Portela.
Uma ópera em dois atos, “Eram tudo memórias de alegria” parte da história de amor de D. Pedro e D. Inês de Castro, cruzando memórias, conspirações e alegrias, o passado histórico e o presente de uma companhia de teatro que se prepara para encenar o conhecido drama. Luís de Camões e Fernando Pessoa emprestam voz às personagens, introduzindo um elemento intemporal numa narrativa divertida.
Os intérpretes serão alunos do 2º e 3º ciclos do Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga.
O Conservatório cederá o espaço e os recursos logísticos de que dispõe. Pretende-se que haja três execuções de entrada livre, uma dirigida a um público do 2º ciclo de escolaridade, de diversas escolas da cidade, e as restantes para o público em geral. Projeta-se que a estreia seja durante o mês de abril.

Objetivos gerais

-Jovens intérpretes:
Oportunidade de participar numa produção musical de grande escala
Experiência relevante para a sua formação artística
Contacto direto com as linguagens da música contemporânea
Trabalhar a relação compositor/intérprete

-Público escolar
Aproximação à música erudita contemporânea
Apresentar um tema de relevância histórica nacional
Conhecer dois autores incontornáveis da literatura portuguesa, nomeadamente Luís de Camões e Fernando Pessoa

-Público geral
Proporcionar um espetáculo de qualidade artística
Dar a conhecer o trabalho de duas jovens compositoras da cidade de Braga
Propostas que deram origem ao projeto:
OP19/PROP0061
Custo estimado:
10.650,00 €
Local da execução:
Braga
Freguesias abrangidas:
BRAGA (CONCELHO);
Localização georreferenciada: